Artes VisuaisCultura

Uma das maiores obras de Vermeer escondia algo mais

Paula Reis por Paula Reis

Mais de dois séculos e meio depois especialistas estão devolvendo a obra “Moça lendo uma carta à janela” à sua composição original. Já era sabido desde 1979 que havia um cupido por baixo da pintura, quando foi feito um exame de raio x do quadro. Acreditava-se então que o próprio Vermeer havia escondido a figura. Em 2017, o restaurador Christoph Schölzel do Staatliche Kunstsammlungen Dresden (o nome é complicado, mas a explicação não: o lugar é uma instituição cultural em Dresden, Alemanha) começou a trabalhar na obra e fez uma extensa pesquisa. Raio x, reflectografia de infravermelho e análises microscópicas foram reavaliados. O estudo incluiu também uma análise detalhada das camadas ocultas, pesquisa do histórico de restaurações do quadro e comparações com outros quadros e restaurações do artista. Depois de tudo isso, a conclusão foi taxativa: o quadro havia sido modificado décadas depois da morte de Johannes Vermeer em 1675.

O instituto decidiu então remover a camada adicional e devolver a obra à sua aparência original, tal qual o autor de “Moça do brinco de pérola” havia imaginado. A restauração deve continuar ao menos por mais um ano. Com a revelação do cupido é muito interessante notar o quanto ele se assemelha à figura presente na obra “Moça diante do virginal”, do acervo da National Gallery de Londres.

Johannes Vermeer produziu relativamente poucos quadros durante sua vida e morreu endividado. Sua obra de cerca de 40 pinturas inclui “Moça com brinco de pérola”, “Moça lendo uma carta à janela” e “Moça com uma balada”, que estão entre as mais conhecidas do mundo.

Artigo baseado na publicação: A Long-Lost Cupid Is Revealed Under the Surface of One of Vermeer’s Greatest Paintings

Paula Reis

Paula Reis

Publicitária
Publicitária formada pela ESPM-SP, faz parte da equipe da Blombô, o primeiro marketplace de arte online do Brasil. Apaixonada por escrever e por Arte em todas as suas formas, vem produzindo conteúdo desde os primórdios da internet e se especializando em História da Arte, com cursos pelo MASP Escola, Escola Panamericana de Arte e outras instituições. Se você tem qualquer dúvida ou sugestão para o Blog, mande uma mensagem: ela também adora conhecer novas pessoas e trocar ideias!

Deixe uma resposta