Paul Ramirez Jonas

Paul Ramirez Jonas

United States - 1965

Paul Ramirez Jonas nasceu em 1965, na California. Vive e trabalha em Nova York, EUA.

Paul Ramirez Jonas é um artista contemporâneo cuja obra, atualmente, explora o potencial entre o artista e o espectador, entre a obra de arte e o público. Ele os vê como monumentos, ao invés de esculturas, como objetos que falam ao público, muitas vezes sem um autor, e comunicam ideais, histórias e sonhos coletivos, ao invés da expressão individual do artista. Seus trabalhos visam incitar ações, frequentemente utilizando textos, modelos ou materiais pré-existentes, com o intuito de estabelecer situações que incentivem os espectadores a os completar e validar. Para a Bienal de São Paulo de 2008, Paul Ramirez Jonas brincou com o aspecto misterioso e simbólico do talismã. Incentivando o público a se envolver com o trabalho, "Talisman" pedia que o participante trocasse a chave de sua casa por uma chave da porta da frente do icônico Pavilhão Ciccillo Matarazzo, onde a mostra é realizada. No ano seguinte, para a 7ª Bienal do Mercosul, em Porto Alegre, Ramirez Jonas esculpiu três grande rochas, transformando-as em um espaço para placas monumentais. Ao invés de criar monumentos permanentes para honrar uma personalidade ou eventos nacionais, o artista transformou monumentos em quadros de cortiça para receberem mensagens passageiras ou notas pessoais, a voz efêmera do seu público.
Exposições individuais incluem: The Exploratorium, San Francisco, California; Pinacoteca do Estado, São Paulo, Brasil; The Aldrich Contemporary Art Museum, Ridgefield, Connecticut; The Jack S. Blanton Museum of Art, Austin, Texas; retrospectiva na Ikon Gallery (Reino Unido) e Cornerhouse (Reino Unido); Alexander Gray Gallery, Nova York; Roger Björkholmen, Suécia; Galeria Nara Roesler, São Paulo, Brasil; e Postmasters Gallery, Nova York. Participou de coletivas na Guggenheim Museum, Nova York; P.S.1, Nova York; The Whitechapel Gallery, Londres; Irish Museum of Modern Art, Irlanda; The New Museum, Nova York; e Kunsthaus Zurich na Suiça. Participou da Johannesburg Biennale; Seoul Biennial, Shanghai Biennial; 28a Bienal de São Paulo; a 53a Bienal de Veneza e a 7a Bienal do Mercosul. Em 2010 seu projeto Key to the City foi apresentado pela Creative Time em colaboração com a cidade de Nova York. Suas obras fazem parte de coleções como: Solomon R Guggenheim Museum, Nova York, EUA; Blanton Museum of Art, Austin, EUA; Bronx Museum, Nova York, EUA; New Museum, Nova York, EUA; Albright-Knox Art Gallery, Nova York, EUA; Malmö Konstmuseum, Malmö, Suécia; e Instituto Itaú Cultural, São Paulo, Brasil.

Fonte:
Foto: https://www.youtube.com/watch?v=W-oJL5i4hXc
Texto: https://nararoesler.art/artists/55-paul-ramirez-jonas/

Obras do Artista

Confira a seleção de obras deste artista

Em breve, produtos vão estar à disposição nesta seleção!