Clique em um de nossos representantes abaixo para bater um papo pelo WhatsApp.

Atendimento pelo WhatsApp
Arieh

Arieh

Brasil

Arieh, paraense de Belém do Pará. Antropólogo, Doutor pelo Programa de Língua Hebraica da Universidade de São Paulo. Artista autodidata, há quase duas décadas se dedica ao estudo e experimento em arte naif, buscando um modo poético e colorido para expressar temáticas diversas, tais como manifestações da cultura popular brasileira, o cotidiano e as paisagens amazônicas, as ruas lotadas de São Paulo, motivos da história e cultura judaica, etc.
Todo este diverso referencial se mistura através das Infinitas Cores que permeiam estes caminhos ecléticos. Atualmente, Arieh desenvolve seu trabalho no Atelier Infinitas Cores, situado no movimentado bairro do Bixiga, no centro de São Paulo.
Desenvolvendo assim um diálogo com a arte de rua através de painéis e murais. Além de utilizar como suporte para seus trabalhos não somente as telas, como também, diversos materiais descartados na vizinhança - latas, restos de azulejos, tacos de piso, tábuas de passar, portas, janelas, etc. se transformam em obras de arte coloridas e originais através do olhar e da criatividade do artista.
2014 - Trabalho “São Paulo 460°” selecionado para 12a Bienal Naif Sesc Piracicaba.
2014 - Mostra individual Sampa Naif – Espaço Cannoleria de Danti – Centro Ítalo-brasileiro -SP.
2015 - Oficina Cores do Bixiga - Oficina de arte naif, memória e história do bairro. Uma parceria realizada com o CPC - USP Casa de Dona Yayá, direcionado aos adolescentes da rede pública de ensino do bairro do Bixiga.
2015 - Exposição Cores do Bixiga - apresentação dos trabalhos desenvolvidos durante a oficina de arte naif com os adolescentes do bairro. 2015 – Painéis em grafite nos tapumes das futuras instalações do Museu Judaico de São Paulo.
2015 – Doação do painel em tela “Eretz Amazônia” – Os Judeus na Amazônia. Para o acervo do MIAN – Museu Internacional de Arte Naif -RJ. 2015 - Conexão arte naif - Mostra coletiva itinerante de arte naif. Municípios de Diadema e Mogi das Cruzes.
2015 - Oficina Melhor Idade Casa de Dona Yayá.
2015 - Cores de Janus - Oficina de grafite desenvolvida com os adolescentes da Associação Novolhar - Bixiga. Temática do Painel - Homenagem a Janus Korczak.
2016 – Coordenação e execução das atividades de grafite e pintura em muros externos da Escola Maria José - Bixiga - SP. Parte da programação da 6a edição do 13 na Treze. Ocupação da rua 13 de maio, Bixiga -SP.
2016 – Exposição Cores do Bixiga na Yayá – reunindo trabalhos das oficinas de pintura ministradas para adolescentes e idosos do bairro do Bixiga. Casa de D. Yayá CPC- USP.
2016 - Oficina de Arte Naif . Parte da programação da exposição Eu Vi Uma História - SESC Itaquera
2017 – Trabalho “Bom Retiro” menção especial na primeira Bienal Internacional de Arte Naif Totem Coração – Socorro -SP. 2017 - Jardineiras do Bixiga
Ação para o combate de descarte irregular de lixo.
Revestimento em mosaico das jardineiras situadas na esquina das ruas Santo Antônio e São Vicente Bairro do Bixiga - SP. 2017 – Cobertura em mosaico da antiga escadaria do Rio Saracura – Bixiga -SP.2017- grafite Treze na 13
Execução de painéis e organização da atividade em grafite nas paredes externas da Escola Maria José como parte da 7a edição do evento Treze na 13. 2017- SESC Itaquera – SP. Oficina de aquarelas Varal das Cores.
2017 - Atividade de pintura em painel coletivo. 1° Korczack Day Festival - Clube Hebraica - SP 2017
Matéria de sobre Arte Naif , Arieh e seu processo artístico. 2018 – Projeto Bixiga Limpo
Coordenação das atividades de desenho e pintura durante a Campanha Bixiga Mais Limpo. Bixiga- SP. 2018 - Atividades em Grafite na 8a edição do 13 na Treze
Execução de painéis, e coordenação das atividades com grafite e pintura nas paredes externas da Escola Maria José - Bixiga - SP. 2018 - Trabalhos “Êxodos” e “Xirê: a dança dos orixás” Selecionados para a Bienal Naifs do Brasil – SESC Piracicaba.
2018- Vídeo da Bienal sobre vários artistas Naifs, incluindo Arieh. Projeto Atelier Aberto - Sesc Piracicaba.
2018 – Coordenação de acervo do MUMBI – Museu da Memória do Bixiga.
2018 - Exposição coletiva “Ele foi, mas foi sorrindo” uma homenagem a Pato n’água. O consagrado mestre de bateria da Escola de Samba Vai-Vai. Realizada na sede da Umes. Parte da programação do Aniversário do Bixiga.
Estandarte de luto, contendo a letra do samba Silêncio no Bixiga de Geraldo Filme. Entrada do Teatro da Umes - Bixiga - SP.
2018 – Árvore de Natal em material reciclado para decoração das festividades de natal do Projeto Social CEDO – Igreja de Nossa Sra. Achiropita , Bixiga - SP. 2019 – Organização e curadoria da exposição “Baús de Antigos Carnavais. MUMBI - Museu da Memória do Bixiga.
2019 – Trabalhos “Sampa Jungle” e “O Rabino e a Torah” selecionados para a Mostra Nacional de Arte Naif de São Paulo. MAP -Museu de Arte Popular de Diadema.
2019 - Aquarelas “Estação da Sé” e Bem vindos a São Paulo - Selecionadas para o II FIAN - Festival Internacional de Arte Naif - Guarabira - PB. 2019 9a edição Treze na 13
Execução de Painel e Organização das atividades em grafite e pintura nas paredes externas da Escola Maria José - Bixiga - SP. 2019 - Obras selecionadas para a segunda Bienal de Arte Naif de Socorro - SP.
2020 - Ilustração do Calendário Judaico do Portal Amazônia Judaica. e do Centro Israelita do Pará
2020 - Ilustrações dos Calendários passaram a integrar a coleção judaica do MAR - Museu de Arte do Rio 2021 - Execução de 30m de painéis no hall de acolhimento do Museu Judaico de São Paulo.

Fontes:
Texto: Fornecido pelo artista.

Obras do Artista

Confira a seleção de obras deste artista

Bem vindo! Escolha uma das opções abaixo: