Clique em um de nossos representantes abaixo para bater um papo pelo WhatsApp.

Atendimento pelo WhatsApp
Anderson Alves Cunha

Anderson Alves Cunha

Anderson AC nasceu em Salvador, Bahia, 1979, onde vive e trabalha. Tem na sua trajetória a participação no coletivo de grafite 071crew, que realizou várias intervenções urbanas na cidade. A partir de 2007 começou a se apresentar mostras coletivas, com destaque para a exposição 3 Pontes na II Trienal de Luanda, a mostra Arte Lusófona Contemporânea no Memorial da América Latina em São Paulo, Afetos Roubados no Tempo, no Centro Cultural da Caixa, em Salvador e Muros, coletiva que reuniu 11 grafiteiros baianos na galeria do Ferrão no Pelourinho também em Salvador. Realizou uma residência artística em dois locais relacionados com suas origens, primeiro em Luanda, Angola, durante a II Trienal, que teve como temas as Geografias Emocionas – Arte e Afetos, e depois em Évora, Portugal, onde realizou sua primeira exposição individual. As outras duas foram realizadas em São Paulo, Galeria Sosso, e em Strasburgo, França, na galeria do Conselho da Europa. Sua última exposição individual foi a primeira em Salvador, e se chamou O diário de bordo ou O livro dos dias, no ACBEU (Associação Cultural Brasil-Estados Unidos), em 2017.

Fontes:
Foto: https://paulodarzegaleria.com.br/en/artistas/anderson-cunha/
Texto: https://paulodarzegaleria.com.br/en/artistas/anderson-cunha/

Obras do Artista

Confira a seleção de obras deste artista

Bem vindo! Escolha uma das opções abaixo: